Mais de 35 anos

A possibilidade de desenvolver uma doença das gengivas aumenta consideravelmente com a idade.

Estudos indicam que as pessoas mais velhas apresentam maior incidência de doença das gengivas e necessitam um maior cuidado para manter uma boa saúde oral.

Ao envelhecer, o nosso sistema imunitário torna-se menos eficaz do que quando somos jovens, e uma menor imunidade pode contribuir para doenças nas gengivas. Isto poderá provocar o recuo das gengivas e a exposição da superfície da raiz dos dentes. A raiz de um dente é muito mais vulnerável ao ataque dos ácidos da placa dentária. Por outro lado, o facto de a placa começar por acumular primeiro na linha das gengivas, onde se encontra a superfície exterior do dente, apenas ajuda a agravar o problema.

A boa notícia é que as pessoas vivem mais e com mais saúde e os mais velhos têm hoje maior probabilidade de conservar os seus dentes durante toda a sua vida comparativamente há uma década atrás.

É importante praticar uma boa higiene oral e tomar medidas contra os problemas das gengivas logo que surgem.